É com alguma satisfação que posso chamar nosso primeiro ministro de intrujão. José Sócrates é o maior intrujão que conheço e um mentiroso descarado o que o torna também num dos maiores hipócritas que conheço. Ao contrário de outros casos em que era evidente a culpabilidade e a justiça impediu que pudéssemos chamar pelo nome adequado de ladrões, pedófilos, corruptos etc., neste caso quem quiser chamar de intrujão e mentiroso ao Sócrates é não só bem vindo como está protegido por todas as mentiras públicas que José Sócrates cometeu.

A última foi ter dito não saber nada acerca do negócio que envolvia a compra pela PT de parte da PRISA. Como se viu logo a seguir nas notícias consequentes, José Sócrates sabia de tudo e mentiu descaradamente para quê? Simplesmente mente porque governa contra o povo e a favor do grande capital. Algo que já todos sabem mas parecem ainda não ter "enchido o saco" o suficiente para rebentar. Seria impossível governar com Verdade quando as leis, regulamentos e política é feita contra o cidadão. Apenas com a mentira e com o medo se consegue prosseguir com estas políticas que estão a destruir tudo para terem a desculpa que é preciso entregar a privados.

José Sócrates está a fazer aquilo que se começou a fazer no governo de Guterres se não estou em erro e que é o mesmo que faz o Banco Mundial com países de 3º mundo comprando-os quase literalmente através de empréstimos que nunca poderão pagar. O Lula é um bom exemplo de fantoche Bilderberg que chegou ao poder também através da mentira quando na verdade hoje é evidente para todos que é um lacaio das multi-nacionais e corporações indo contra todos aqueles princípios tão bonitos dos quais falava no início de sua carrreira presidencial. Hoje é o corrupto iluminado que sabemos e que vemos defender publicamente outros corruptos iluminados confirmando a ideia de que esses senhores se julgam acima da restante população.

Volto a Sócrates, nosso governo e á comparação com o Banco Mundial (BM). A intenção do governo fazer grandes obras públicas tem somente uma razão principal e nem é dar dinheiro "aos grandes" como costumamos julgar pois existe algo abstracto mais poderoso que é "o poder" e nossos governantes servem um poder maior que eles. A intenção dos governos sucessivos dos últimos anos tem sido cumprir uma meta illuminati que pretende colocar todos países em dívida pois dessa forma podem controlar mais facilmente seus destinos e governações. E quanto mais importância dá a sociedade ao dinheiro, mais dependentes ficamos desses senhores porque o dinheiro está aí concentrado.

Não temos Amazónia para vender nem petróleo ou diamantes, mas temos contribuintes, praias e muitos campos de golfe. Portugal e o mundo moldam-se conforme o desejo destes senhores do mundo sem escrúpulos. E é para esta gente que Sócrates trabalha. É para esta gente que trabalha Durão Barroso como foi esta gente que criou a UE. E sempre através da mentira, do medo, da regulação entre outras técnicas, nos vão fazendo acreditar, ainda, que existe Democracia. Existe Democracia ao serviço dos Bilderberg mas estar ao "serviço de" alguém ou algo que não seja O Povo, não é Democracia nem existe Democracia sem verdade e sem a Liberdade que desaparece sucessivamente.

A verdade é que quando José Sócrates disse que não sabia de nada sobre o tal negócio PT/PRISA, toda a gente se riu :) Penso que só o Sócrates e aqueles robôs que votaram nele é que não perceberam o ridículo de sua afirmação. Agora quando abre a boca até o Português mais ignorante o chama de intrujão. Tenho pena destes maçons que se julgam iluminados por terem lido um livro ou dois de magia e por pensarem que controlam toda a gente com seus gestos e falas mágicas.

Magia é apenas outro nome para o tipo de discurso de muitos políticos, apresentadores de TV, comentadores... e assim como se faz com alguém que fala mal do sionismo acusando-o de anti-semita, assim se faz com a magia relegando-a a filmes como harry potter que veio de uma maçon e que por mim é apenas mais desinformação illuminati. A maior mentira é essa mesmo e quem for inteligente vai ler os livros de magia e filosofia que nossa elite lê e talvez depois entenda porque se sentem eles iluminados e de que forma usam a magia para continuarem no poder e controlar o povo nos bastidores quase sempre. Eu não poderia ter encontrado leitura mais interessante e pude verificar por mim mesmo que Magia funciona e que existe uma grande confusão e deturpação da verdade acerca da Magia. Magia é Ciência da Natureza para mim mas alguém diria que é a Ciência da Manipulação da Natureza, incluindo e principalmente da Natureza Humana.

Nossos governantes dizem ser desta ou daquela religião mas é tudo treta! Cavaco católico? Cavaco maçon isso sim! Maçonaria não impede nenhuma religião a seus membros? Tretas! Isso é o que dizem eles mas como conciliar a crença católica de ressurreição com o facto adquirido da maçónica de reencarnação, ou a viagem astral tão bem descrita e ensinada em livros maçónicos e que qualquer um poderá confirmar por si mesmo que afinal existe Magia e temos sido todos uns grandes idiotas religiosos ou idiotas partidários ou outros idiotas entre tantos que existem. Só poderia ser assim num mundo de mentira, engano e decepção. Como podemos gerar outra coisa a não ser idiotas? Não é parvo que chamamos ao nosso amigo/a depois de ser enganado 5, 10, 20, 500? vezes? Ou vamos dizer que ele é ingénuo na centésima vez que se vem queixar por ter sido enganado mais uma vez?

Temos de nos proteger da mentira porque logo á partida mentir significa ir contra o cidadão, querer esconder algo porque se sabe que o cidadão não vai gostar e pode contrariar os planos secretos... Para isso serve a mentira. Para manter as ilusões e para o verdadeiro governo ser instaurado, o governo mundial. Estamos bem encaminhados pois nossa UE já faz montes de leis á porta fechada longe das vistas e interesse do cidadão. A mentira já quase nos deixou no ponto para o fascismo.

Vamos ver o quanto bananas somos e se aceitamos mais mentiras como se fosse algo natural. Não sei se psicólogos ou outros investigadores sociais conseguem explicar este fenómeno de aceitarmos mentirosos e corruptos como governantes. Isso dá-me vómitos e tira-me a vontade toda de ser humano ou de viver no meio desta gente perigosa. Pois fico com medo desta gente que vota em corruptos e os aceita tão bem. Felizmente já controlei minha frustração e até sei que tudo isto servirá para aprendermos a amar o próximo, amar a verdade, amar a liberdade.

2 comentários

  1. J.S. Teixeira  

    sexta jul 03, 08:22:00 da tarde

    Vejam o artigo de opinião escrito no blogue O Flamingo acerca da "tourada" que teve lugar, ontem, na Assembleia da República.

  2. Anónimo  

    domingo ago 30, 01:04:00 da tarde

    Deve por esse motivo que os sucessivos governos têm permitido que financeiras internacionais venham oferecer créditos pessoais com taxas de juro elevadas!